Saturday, March 6, 2010

Seriously, Celebrities, What?!

Eu sei que estou um pouco atrasada para a "festa", mas devido a este site e, mais precisamente, ao segredo 142, fui relembrada de uma situação que preferia esquecer...

Não sei se se recordam, mas Roman Polanski andou anos fugido dos Estados Unidos porque violou uma rapariga de 13 anos nos anos 70 (o testemunho da vítima está aqui e não é para gente sensível). Apesar de se ter dado como culpado (e de ter arranjado forma de só ser indicado por sexo com uma menor e não violação), conseguiu sair do país e andou décadas a fazer filmes alegremente, saltando de país em país, impune. Países europeus, sublinho com vergonha. Felizmente, a Suiça é um país de gente neutra e cumpridora e, assim que deram por tal criatura pôr lá os pés, extraviaram-no de volta para os US para pagar pelo crime que cometeu. Roman Polanski foi preso (mas já está em prisão domiciliária, fiquem descansados).

O que na altura me chocou, e ainda choca mais agora, que resolvi, por curiosidade mórbida, ir espreitar os nomes, foi a quantidade de artistas ditos decentes, inteligentes!, que fez pressão para a libertação do realizador... Para que ele fosse perdoado sem haver prisão, tribunal, nada. "Ah, isso foi nos anos 70, já passou!", "It was a little mistake!" (adoro esta!), "A arte e o artista não são a mesma coisa!", "Ele está arrependido e ainda tem tanto para dar ao Mundo...".

Caras celebridades... WHAT?!

Não interessa que tenha sido há 30 anos atrás! E aquela rapariguinha que foi violada e teve de sofrer as consequências disso o resto da vida? Teve de ter pesadelos e sentir-se culpada e aprender a viver consigo mesma sabendo que há pessoas nojentas neste Mundo e que, com elas presentes, não é garantido que consiga ser feliz e leve e serena e despreocupada? Não me interessa que essa rapariguinha agora já esteja nos 40 e tenha sido quase forçada, por pressões sociais, a perdoar oficialmente Roman Polanski. Sou a favor de perdão e de não guardar rancor, sou, sim. Espero que ela tenha mesmo conseguido perdoá-lo, no seu coração, porque isso a vai fazer viver melhor consigo mesma, com o que lhe aconteceu. Mas isso é ela. Ele continua a ser um canalha da pior espécie que tem de pagar pelos seus crimes. Lá por ser rico e famoso, não significa que seja mais que os outros!

Olhem para esta lista de algumas das ditas celebridades justas e decentes e chorem comigo, meus amigos:

- Woody Allen, Pedro Almodovar, Wes Anderson, Jean-Jacques Annaud, Asia Argento, Darren Aronofsky, Paul Auster, Monica Bellucci, Penélope Cruz, Alfonso Cuaron, Jonathan Demme, Harrison Ford, Stephen Frears, Terry Gilliam, Alejandro Gonzalez Inarritu, Jeremy Irons, Wong Kar Waï, Milan Kundera, Emir Kusturica, David Lynch, Michael Mann, Sam Mendes, Jeanne Moreau, Mike Nichols, Alexander Payne, Natalie Portman, Salman Rushdie, Martin Scorsese, Steven Soderbergh, Tilda Swinton, Kristin Scott Thomas, Wim Wenders.

Sem querer ser má, mas Woody Allen, quer-se dizer... Quem acaba casado com a filha adoptiva, não há muita volta a dar. Mas tu, Darren Aronofsky? Tens noção do respeito que te tinha? Como é possível alguém com sensibilidade para fazer tantas obras-primas de pura natureza humana estar a favor deste descalabro? Milan Kundera? Tu também, Wong Kar Wai? Tão delicado, tão meigo nos teus retratos de pessoas e suas relações...

Não tenho palavras. E sim, eu sei que isto já está a cair de podre de há tanto tempo que foi o escândalo. Mas continua a ser mais uma demonstração da sociedade no que de mais reles tem e todos temos o dever de lutar contra o que está errado.

E o pior... O pior são as mulheres. Como é que se pode estar a favor de alguém que violou uma adolescente? Uma de nós?! Natalie Portman... Parte-se-me o coração. E a Monica Bellucci parece que não aprendeu nada com o Irréversible.

É quando sou relembrada de coisas destas que fico sem perceber porque gosto tanto de pessoas e acredito tanto que a humanidade, algures muito escondido, tem um fundo bom.

E o que mais me irrita é que, moralmente, eu deveria boicotar esta gente e deixar-me de dar dinheiro aos seus filmes e livros. Mas por muito atrasados mentais que sejam, não foram eles que cometeram um crime hediondo e então aqui sim, se justifica dizer que a arte não é o artista. Mesmo que o meu respeito pelos artistas tenha desaparecido. Já agora, posso sempre desejar-lhes que nunca sofram na pele o que a tal menina de 13 anos sofreu. Estou bastante certa que os seus nomes iam deixar de constar na lista.

MJNuts

8 comments:

Blaze said...

Violação é uma violação, nisso estamos de acordo.
Mas há coisas que não batem certo Maria, supostamente aquilo seria uma festa e estava lá presente entre outros, o Jack Nicholson (acho), portanto como raio foi lá parar uma miúda novinha? Telepiza? E os pais?
Não sei, algo cheira mal...

Ace said...

É um facto que Polanski é um bom realizador. Já vi alguns dos filmes dele, e são de facto muito bons. Mas claro, isso não quer dizer necessariamente que goste dele como pessoa, muito pelo contrário.
Acho que deu boas contribuições para o mundo do cinema na sua "fuga", pena o contexto, e pena ter feito o crime odiondo que fez.
Na minha opinião ele devia continuar preso. Admiro-o profissionalmente mas fora da tela é um sacana sem lei.

Guess said...

Isto realmente já foi há algum tempo. Não curto muito ver o aí o nome dessa gente toda a apoiar o senhor, mas parece-me que nem eles próprios acreditam que o que ele fez não é condenável. Simplesmente dão o seu nome p'ra uma causa, muito à semelhança com o que fazem com as doações, e pronto. Mas, nesse caso, podemos condená-los por ignorância ou negligência, sei lá. Mas não me parece que esse gente de bom tom vá apoiar o que o Polansky fez. A não ser que sejam mesmo amigos.

Vamos lá ver, em que lado estavas tu se eu violasse uma criança de 13 anos? Não, estou a brincar, nem eu próprio me perdoaria nunca. Aliás, não consigo fazer sequer o raciocíno com isso.

Eu acho que ela devia fazer como a O-Ren Ishii faz no Kill Bill. Matar o filho da puta e tornar-se na criminosa mais poderosa do Japão.

Idiota. Ainda por cima, o trabalho do homem não é nada que seja assim tão importante de salvar. Se bem que eu sou um sucker pel' O Inquilino, onde ele é realizador e protagonista.

Morcegos no Sótão said...

Sou a única que não quer saber da arte dele para nada? É que o facto de eu não ser fã dos filmes dele ajuda efectivamente a pôr as coisas em perspectiva.

@Guess Sabes o lugar que tens na minha vida e no meu coração, mas acho que mais facilmente te perdoava matares um homem do que perdoaria violares uma criança. Esperemos que nenhuma das opções aconteça! I'd still love you, though. Love lasts forever.

@Blaze Não importa se era uma festa e o que lá estava lá a fazer uma miúda de 13 anos. Não importa se ela era daquelas pitas que querem parecer muito mais velhas e foi para lá toda pipi e armada em boa. A atitude dela até poderia ser algo provocante. ISSO NÃO É DESCULPA! É por opiniões assim que muitas vítimas de violação passam anos a culpabilizar-se do que lhes aconteceu.

MJNuts

Nia said...

Sinceramente, nao estou de todo por dentro da questao mas nao me parece que esse rol de gente ilustre defenderia um violador de menores só pk o consideram uma mente brilhante, pelo que fico na dúvida se consideram que o homem violou a miuda. Espero k pensem k nao o fez, pk so assim poderei conceber defenderem-no.

Mas como disse, nao estou por dentro da questão.

Giovanna said...

Concordo completamente com a tua posição neste assunto, incluindo a resposta acerca da atitude dela na festa - não interessa se ela se despiu e se esfregou toda no homem, ele já era um adulto e tinha obrigação de se lembrar que ela era uma criança.
Infelizmente acho que nada disto está a ajudar a vítima. Com todo o tempo que passou e o barulho que se está a fazer à volta disto, só ela é que sai prejudicada. Suspeito que foi a necessidade de se proteger de um assunto tão doloroso e de uma situação tão pública e humilhante (porque reviver publicamente este caso torna-se humilhante, pela posição em que se viu neste crime). Ela tem família, continuou com a sua vida. Na posição dela, talvez não quisesse seguir com um julgamento agora, 40 anos depois.
Quem está a fazer pressão para este julgamento acontecer é o próprio governo Norte Americano. Achas que eles reabrem qualquer caso de pedofilia com 40 anos se o autor do crime for um zé ninguém?
E não, eu também não acho os filmes dele nada de excepcional. Não que tenham o seu mérito. Além de que a qualidade dele como realizador não o torna imune à justiça. Gostava que ele pagasse pelo que fez, com juros por ter andado a fugir todo este tempo e a vítima (e todo o mundo) a saber onde ele andava e o sucesso que tinha. Mas, pensando na vítima, já fico mais dividida na minha posição. Enough is enough.

E sim - estas celebridades deviam ter mais vergonha na cara.(Mas gostava que me mostrasses onde foste buscar a lista de nomes. Qual era a causa deles? «Não queremos o RP julgado por este crime?») Isto parece muito o caso Casa Pia. «Estamos solidários contigo, Carlos Cruz, temos a certeza que não fizeste nada!» Quando se muda um código penal para diminuir as penas de pedófilos (ah, coincidência, tantas figuras públicas e políticas no banco dos réus!), há que repensar a noção de justiça pública e a relação dela com a sociedade. Ataca-se por serem ricos/famosos, protege-se por serem ricos/famosos... São coisas destas que me fazem querer gritar por sangue e sujar as mãos (sim, as minhas) em nome de outros.

Giovanna said...

fiz mal as contas. Passaram-se 33 anos, e eu andei a dizer 40 - esta mania de falar em décadas baralha-me os números! :p

Morcegos no Sótão said...

@Nia O Polanski declarou-se culpado, mas fugiu antes de cumprir pena, por isso acho difícil que os seus apoiantes não saibam que o crime efectivamente ocorreu...

@Giovanna Percebo a tua posição no que diz respeito à vítima. Torna-se de facto complexo reavivar memórias de algo tão doloroso e que já deveria estar enterrado. Por outro lado, sendo o Polanski um homem famoso, não terá ela sofrido cada vez que o viu na televisão, nos jornais, cadaevz que soube dos seus sucessos? Não sei. Tirei a lista daqui:

http://www.bernard-henri-levy.com/si-vous-souhaitez-signer-la-petition-pour-roman-polanski-2418.html

MJNuts