Wednesday, November 19, 2008

Sonhos

Na noite passada, em vez de irmos dormir que já eram horas, eu e o companheiro Guess pusemo-nos a falar de sonhos... Não, nada melodramático como de costume! Sonhos, como quando se está a dormir.

Ele diz que não consegue tomar consciência que está a sonhar, então nunca consegue controlar os sonhos... Mas até que tem sonhos giros, tipo um teatro com animais verdadeiros com actores escondidos a fazerem-lhes as vozes! Ou daquela vez em que sonhou uma enormidade de aventuras no palácio d'A Bela e o Monstro. Sonhos giros!

Mas pah... Há que dizer que eu sonho coisas muito esquisitas! Antes de mais, pelo que sei, as pessoas costumam sonhar com as pessoas que lhe são mais próximas ou pelo menos fazerem-se acompanhar, no sonho, de amigos, família ou até mesmo da pessoa amada. Eu é raro o sonho que tenho com pessoas íntimas! Pode lá aparecer a moça que se senta na carteira da frente na aula de Inglês, os meus afilhados do meu antigo curso, amigos de amigos... Mas gente minha? Nah! Que é isso?

Vou expôr-vos então o ridículo de alguns dos meus sonhos, a ver se vocês sonham de uma forma parecida.

Ora portanto, o mais recente foi há duas noites atrás. Estava eu e mais dois ou três dos meus afilhados do meu antigo curso (e acho que uma neta) a "curtir" um concerto de Ivete Sangalo (!), na fila da frente sozinhos, num espaço tipo o do Rock In Rio... com mais 20 ou 30 pessoas a assistir! Ela bem tentava puxar pelo pouco público que havia, mas ninguém queria saber dela! Até que recorreu à sua arma secreta, o Poeira. Poeira, poeira e ninguém queria saber dela para nada. Até que a senhora desistiu, desceu do palco e veio conviver com a malta. Acabámos todos num casarão que era basicamente igual à casa da festa de Halloween do ano passado, mas versão XXL. E lembro-me vagamente de haver sangria.

Agora passando assim para sonhos gritantemente estúpidos...

Uma bela noite, que acordei super mega contente na manhã seguinte, sonhei... com Sailor Moon! Não, não me contentei em sonhar com Sailor Moon! Sonhei com todas as Navegantes da Lua (as nove!) em versão animada! Mesmo como aparecem na TV! E o que estavam elas a fazer? Estavam na Bobadela... a combater um dinossauro! Verde! Que parecia um tiranossauro de plasticina gigante. Lembro-me perfeitamente da Bunny em cima de uma estrutura qualquer mais elevada do que o solo a fazer os seus jeitos de mãos "Em nome da Lua, vou castigar-te!". Aliás, havia por ali muitas estruturas elevadas para as moças se pousarem, não sei que raio se passava naquela terra...

Outro bastante hilariante que tive foi um em que eu pertencia a um gang de fadinhas... Ou seja, eu também era uma fadinha. Éramos todas mais ou menos do tamanho da Sininho. E porque disse eu gang de fadinhas? Porque nós nos dedicávamos a roubar lojas de electrodomésticos!xD Porquê?, perguntam vocês. Não faço ideia. O que recordo com mais carinho deste sonho é que eu de facto tinha de fazer um esforço semi-consciente para conseguir voar... Tanto que ia sendo apanhada pelo dono de uma das lojas, com um electrodoméstico branco qualquer que eu desconfio que era uma batedeira.

Uma vez sonhei em versão videogame. Género Super Mario Bros da Nintendo hiper mega velha que era um paralelepípedo cinzento, a consola antes da Super Nintendo! Éramos uns três ou quatro (e essa foi a única vez que sonhei com o meu amor de adolescência) e andávamos por lá, saltando de plataforma em plataforma e a matar serezinhos estranhos.

Também tive um sonho estilo filme de terror, mas esse já não lembro bem. Sei que havia uma gaja boa no grupo (olha eu com sonhos estereotipados...), mas qualquer daquelas pessoas nunca as tinhas visto mais gordas, e que envolvia uma casa assombrada. Parecida à do sonho da Ivete Sangalo, agora que penso nisso.

Sei que houve uma vez que tive um sonho tão genial que queria escrever um livro com aquela história... Mas eu, estúpida, não apontei o que era e agora já me esqueci... Uma pena. Talvez o meu cérebro me dê uma prenda de Natal?

Outro grande sonho meu, trademark MJNuts, foi aquele sonho que desejo a toda a gente... Basicamente havia um teleférico (igual ao do Zoo, peço desculpa, fãs do conforto) que percorria Portugal inteiro, de Norte a Sul... E então era eu, pequenina, com os meus amigos da primária, a ver o país todo por cima... Estava um sol radiante! Tenho a vaga ideia de passarmos pelo Alentejo, mas as memórias mais vívidas que tenho do sonho são de paisagens de serras... Belíssimo, a sério.

Gostava de saber o que Freud teria a dizer destas coisas!

Sonhei que voava mais duas ou três vezes além daquela das fadinhas. E sempre foi preciso esse esforço semi-consciente para arrancar do chão. Coisa que, interiormente, é uma experiência curiosa. Dá uma certa satisfação conseguir, mas parece que nos estamos sempre a esquecer do mecanismo e que cada vez que precisamos de o utilizar, temos de ir pelo método tentativa e erro. É muito estranho. Pelo menos comigo. Lembro-me de a Giovanna me contar um sonho em que ela voava, mas voar ali era tipo nadar... Tinham de bater os braços e coisas assim.

Não sou dada a pesadelos, pelo menos não me é comum acordar com medo. Na verdade, já tive mais vezes medo naquele estado letárgico antes de estarmos profudamente a dormir, porque a minha mente se convence, sei lá, de que estou deitada de lado, mas afinal estou deitada de barriga para cima e é ali um choque muito grande entre Ids e Egos e Superegos e acordo sobressaltada.

Também não é meu costume ter sonhos eróticos, mas já tive 2 ou 3 de sua qualidade! Só que essas coisas não se partilham em blogs, não podem ter tudo!

Ah, e uma particularidade dos meus sonhos... Não sei se é comum. Às tantas, é. Os meus sonhos têm banda sonora... That normal?

Gostava de ouvir/ler as vossas experiências no campo dos sonhos, porque realmente, apercebo-me agora, não é daquelas coisas que eu costume falar com as pessoas...

Quais foram os vossos melhores sonhos?

MJNuts

Update: Chegámos aos 65 posts! Boa, Morcegos! Obrigada!

11 comments:

Nia said...

Olha, coincidência do camandro, hoje sonhei qualquer coisa hiper-realista e kd acordei ainda sentia "a" sensação de bem-estar e, das poucas partes k me lembro, teve a ver com um grupo de amigos em minha casa e com... Cat Power... sonhei com a senhora lol troca de palavras e abraços e tudo!

Mas, regra geral, não me lembro do k sonhei.

Saudações,
Nia

Twin said...

Eu lembro-me pouco dos meus sonhos. Sei que sonho e lembro-me que tive uns mesmo estúpidos mas dp neste tipo de conversas em que se está a falar dos sonhos que se teve ou me perguntam nc me me lembro de nenhum especifico. Sei que sonho com Lost lol Posso contar um: Isto passava-se lá para os tempos da 2ª season e a malta da ilha tipo Jack, Lock Saiyds e afins deu-lhes na cabeça que queriam deitar o computador da escolhilha fora! E eu muito chocada disse: "Tipo voÇês estão parvos? Não podem deitar o computador fora isso é da Dharma e nós precisamos dele para carregar no botão!Além do mais isso é uma relíquia é um Machintosh super antigo, para aí dos primeiros que existiram e voÇês querem deitar isso fora?" Depois só sei que apareciam para lá outras pessoas tipo amigos meus (só me lembro da Patricia) e já n tinha nada a ver uma coisa com a outra. Um bastante recente foi um pesadelo :/ Estava eu algures na Costa da Caparica em férias de verão com a minha familia. Pelos vistos tinhamos lá casa alugada ou assim. E de repente dá-se um tsunami! (acho que n é a primeira vez que sonho com um tsunami desde daquele infeliz incidente no natal. Isto deve explicar-se pelo facto de eu ter terror em morrer debaixo de água sem ar, e também ter terror de ondas grandes).Enfim aquilo lá se deu e toca de fugir para os prédios mais altos. Depois de umas quantas ondas e stresses aquilo lá acalma e está o pessoal todo a evacuar a área tudo chio de policia e bombeiros a ajudar as pessoas e o que é que eu me lembro? O Voli?(o meu amado gato) Onde está o Voli?!!! ele ficou no apartamento eu tenho que o procurar! Então dei meia volta e começo a fazer o caminho para trás contra a corrente de pessoas a correr, correr, correr e a chamar pelo nome dele para o encontrar pelos escombros! Mas já mesmo complectamente maluca da minha vida que o meu gato tinha morrido!! Depois assim a meio de estar a correr ainda a sonhar, tomo consciencia que estou a sonhar (mas ainda estava situada na caparica a correr atenção!) e digo para mim mesma: "calma Marta, espera lá! Tu estás a sonhar não precisas de correr mais (nesta altura ainda estava a correr mas já estava a abrandar). Não precisas de correr mais o Voli está aqui a dormir ao teu lado!" E pronto deixo de correr paro e acordo. Abro olhos lentamente (não acordo sobressaltada, porque já tinha a consciência antes que estava a sonhar) mas o meu coração estava a mil pq na minha cabeça (os sonhos vêem de lá certo) estive prestes a perder o meu gato. Enfim...
O mais engraçado neste pesadelo é eu a meio do sonho estar a ter uma conversa comigo mesma a ponderar os factos e a dizer: oh que estupidez já não vale a pena procurar mais por ele porque tu está estou a sonhar! Uff que alivio...!

Morcegos no Sótão said...

Bom tema!
Eu normalmente até consigo perceber o que é que na vida real afecta os meus sonhos, como conquistas, dúvidas e outras coisas que o subconsciente continua a processar. Uma coisa que notei foi uma alteração nos meus sonhos quando na vida real se passa qualquer coisa que quero resolver. Dantes era comum sonhar que queria (e devia conseguir) voar, mas como a MJ disse, a maioria das vezes estava a nadar de bruços (sim, bruços, go figure) no ar, a meio metro do chão - a não ser que usasse alguma coisa para empurrar cos pés e subir um pouco mais. Agora, dou comigo a conduzir carros estranhos, em que o carro não responde às coisas que faço - em especial os travões. Não há sangue e vísceras, mas há sempre aquela sensação que nada resulta como devia, por muito que me esforce. Muito frustrante.

E depois há aqueles que me fazem querer voltar a fechar os olhos e continuar onde os larguei... estúpidos despertadores!

bjs, Giovanna

K1111 said...

Eu por vezes estou consciente de que estou a sonhar mas ao mesmo tempo não estou... erm... Isto dos sonhos é muito dificil de explicar! Nestes sonhos eu, a um determinado nível, SEI que tou sonhando e consigo vagamente controlar o rumo ( muito pouquinho!) mas não estou consciente deste facto o suficiente para quebrar o sonho... Espero ter-me feito entender, o que é dificil, já que nem eu entendo bem XD
Outras vezes estou perfeitamente consciente de que estou a sonhar e normalmente é sempre em sonhos que se tivessem mesmo acontecido eu seria muito mais feliz! É horrível a sensação de saber que ao acordar aquilo nunca vai ter acontecido... Acordas destroçado. O que eu mais noto nos sonhos é que tudo neles faz sentido, ou seja, quando estamos a sonhar ainda que seja a coisa mais ridicula do mundo no sonho faz perfeito sentido! É a realidade inabalável e inalterável. Não estranhamos em nada paredes a desaparecer, saltos temporais, os Fall Out Boy estarem no ciclo a ter aulas contigo e o Colin Firth estar nessa mesma aula (do nada!) e de repente por-se a treinar falas (inexistentes!) da peça escolar do Orgulho e Preconceito ao teu ouvido e tu pores-te a dizer para ele não se pôr a imitar o Mr. Darcy ao teu ouvido que depois não te consegues controlar...
Isto fazia tudo perfeito sentido!Até eu acordar XD
Depois há sonhos muito vividos em que acordo mesmo aterrorizada (normalmente envolvendo familiares e acontecimentos horriveis) e ainda levo uns segundos a aperceber-me que na realidade em que acordei felizmente aquilo não se passou.
Pá, de sonhos posso ficar a falar horas...

CHESB

K1111 said...

Ah e os meus sonhos são sempre muito baseados na minha realidade, preocupações e desejos e nas pessoas que conheço. Raro é o sonho que não envolva isso.

CHESB

Nia said...

A cena mais estranha das cenas estranhas é kd o sonho se fundo com a realidade no segundo anterior a kk coisa me despertar... tb vos acontece? Deve ser uma deturpação do k estava a sonhar por parte do cérebro dpx de receber a informação k o fez acordar, suponho eu. E suponho tb k seja o sub-consciente a divertir-se ao máximo :D

Twin said...

Ya acontece bué. Do tipo eu acordar com o telefone a tocar, e instantes antes no sonho algo faz o barulho do telefone tipo uma campainha ou algo do género. Lembrei-me agora que uma vez tive um sonho em que falava unica e exclusivamente inglês. E também falavam comigo em inglês. lol Sonhar em inglês é fixe

Guess said...

Bem, à parte daquilo que já foi contado eu tenho uma particular situação, que me assombra imensas vezes, que é o sonho brincar comigo.

É mais fácil se der exemplos. Metem-me dentro de um caixão vivo. De repente, a minha mente decide despertar a meio da noite e eu não me apercebo disso. Bem, não sei muito bem como é. Sei que despertei e que estava colado à parede (para aqueles que já conhecem o meu quarto, antes a minha cama estava totalmente enostada à parede) e que associei aquilo às paredes do caixão. E, então, desato a berrar a pedir ajuda.

Acontece também muitas vezes, mas mesmo muitas vezes, eu, no sonho, por exemplo, estar num local ou adormecer num espaço qualquer. De repente, acordo e não me lembro onde estou. Fico num estado meio consciente, meio a dormir em que entro num pâncio completo porque está escuro (como é óbvio - durmo de luz apagada) e eu não sei onde estou! Mais uma vez, começo a gritar.

Tenho muitas histórias destas. Sim, eu grito ainda algumas vezes à noite. O meu querido irmão vem sempre a correr xD
Depois de ter mandado uns bons berros, apercebo-me da situação e começo a rir-me.
Toca a dormir =P

K1111 said...

Esse tipo de situações em que os sonhos envolvem a realidade é comum. O cérebro capta barulhos ou outras coisas e inclui no sonho. O telefone é o mais comum mesmo. Ai tão-me a telefonar! É agora! Nop, é o despertador do telemóvel a tocar. XD
E sonhos "acordado" também é comum. Às vezes chega ao ponto de uma pessoa estar mesmo a alucinar de olhos abertos. Eu nunca me vou esquecer do sonho que tive quando era mais nova em que o meu cão me vinha dar uma prenda (eu fazia anos no dia seguinte) à cama. Eu podia jurar a pés juntos que aquilo tinha acontecido! Eu estava na cama, acordei e ali estava o Menino com a prendinha na boca. Eu tirei a prenda, pus na mesa de cabeceira e fui dormir outra vez. E fui procurá-la lá de manhã! XD
Tenho uma amiga que lhe acontecem coisas horríveis durante o sono em que ela vê pessoas no quarto e tem visões mesmo e não consegue mexer-se, nem falar. Aquilo tem um nome clínico... paralisia do sono ou algo assim. Eu não fazia ideia de como aquilo se processava até uma noite me acontecer a mim. Acordei e senti um peso ENORME no peito (como se alguém invisível tivesse sentado em cima de mim... Passou-me pela cabeça hã XD) e não me conseguia mexer, nem chamar pela mãezinha (eu bem tentei!). Felizmente, alucinações não tive. Passados alguns segundos passou. E ficou tudo normal. Mas durante aquele minuto foi um pânico indescritível.

CHESB

Twin said...

Eu lembro-me de uma vez acordar ajoelhada á porta do meu quarto (que estava fechada)e a rascar e a bater na porta. Acordei assim com os braços levantados como se tivesse a pedir esmola a alguém lol. È que no meu sonho eu tive a consciência que estava fora da cama e então estava a apalpar a suposta parte lateral da cama para encontrar a parte de cima e o colchão para subir para lá. Mas como era na porta que eu estava a apalpar o colchão nunca mais chegava lol.

Também já me aconteceu algumas vezes, acordar a meio da noite e como eu durmo na completa escuridão não vejo nada então como ainda devo estar meio adormecida começo a entrar em pânico e a olhar para todo o lado porque penso que estou cega pq não consigo ver nada de nada, nem uma luz pequena de baixo da porta sei lá há sempre alguma luz!lol

André eu se vivesse na mesma casa que tu meu deus! Deves apanhar cada susto ao teu irmão e aos teus pais!! Fogo acordar com berros não é nada agradável. :P

To said...

Um sonho recorrente que costumo ter muitas vezes é estar em alguma espécie de hotel, a tentar encontrar determinada porta. Mas nunca dou com a porta que quero! Ando para lá às voltas, vou ter várias vezes a um canto onde tenho as portas 1 a 4, e ocasionalmente o meu cérebro vai colocando personagens que conheço. Da última vez, colocou dois colegas meus da faculdade, em que um estava a fazer a barba, enquanto outro ia buscar uma bilha de gás... lol